PS

PS

SEGUIDORES

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Privatização da Petrobras e a Guerra do Iraque.


Pré-sal: Brasil construirá submarinos nucleares para defesa (40 mil empregos)


Presidenta Dilma ressaltou importância do projeto em inauguração de prédio do Estaleiro de Construção de Submarinos, em Itaguaí (RJ)



A maior compra bélica da história.
O que está por trás da decisão do governo em comprar R$ 20 bilhões em submarinos e como a tecnologia nuclear mudará a lógica da defesa do pré-sal e nas fronteiras marítimas.

Enquanto nossa imprensa, mesmo que veladamente, noticia coisas de interesse nacional, como a defesa do pré-sal, muitos são os equivocados que fazem piadas sobre o assunto, pois além de irresponsáveis, inconsequentes e obtusos, são maus brasileiros que não entendem o que está por trás desses escândalos envolvendo a Petrobras.


video


Não adiantará ter um governo preocupado com o Brasil se maus brasileiros urdem com forças estrangeiras para desestabilizar a nossa maior riqueza que é o pré-sal.



Então vamos tentar refrescar suas mentes obtusas, a começar pela Guerra do Iraque:

Sob falsas acusações e muitas e grotescas mentiras o Governo dos Estados Unidos da América invadiu o Iraque para derrubar o Governo de Sadan Hussem, lembrando que Sadan Hussen foi criado pelos Estados Unidos da América e colocado pela Cia no poder.

Porém como as coisas mudam, e não havendo mais interesse em mantê-lo no poder, os americanos simplesmente o descartaram como fazemos com o lixo de nossas casas.

Porém os interesses não eram acabar com o governo de Sadan e sim ficar com o petróleo do Iraque, que hoje empresas americanas exploram, e bilhões de dólares vão para nos Estados Unidos da América. O Iraque que se lixe.


Muitos especialistas afirmam que para poder movimentar a opinião pública os serviços secretos americanos estariam por trás dos ataques de 11 de setembro. Eu não duvido de nada, aliás, lembro-me do que dizia minha avó Bibira: Depois que inventaram a máquina de “debuiá” miio (milho) nada mais me surpreende.


Além disto, não podemos esquecer que o Reino Unido, com sua frota naval humilhou os argentinos na Guerra das Malvinas, e continua preparado para intervir no Atlântico Sul se necessário for, pois não passam de cães de guarda dos Estados Unidos da América.

O Governo FHC, governo das privatizações ou privatarias, não conseguiu há tempo entregar nossa maior empresa de petróleo, e para tal, forças estrangeira usam de maus brasileiros, que foram sendo encaixados no atual governo para de dentro sabotar os interesses dos próprios brasileiros.


E os inocente úteis raivosos, que não são capazes de enxergar um palmo diante do nariz são conduzidos para fazerem o serviço sujo e encherem as redes sociais de besteiras, além da imprensa que urde ostensivamente contra o governo e contra o Brasil, como faz a Rede Globo, com notícias sub-reptícias, meias verdades, num terrorismo de fazer inveja ao estado islâmico.

                Mudaram até o nome da empresa para agradar os americanos.

Mais uma vez repito. Não me surpreenderá se voltar ao governo a direita raivosa, seja a Petrobras privatizada e entregue a empresas americanas.


Duvidas?

Nenhum comentário:

Postar um comentário